segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Início de uma nova era?

Bela vitória do Figueira no domingo
FANTÁSTICO: Aloísio fez os 3 gols da vitória do Figueira sobre o Coritiba e pediu música no Fantástico. Foto: ClicRBS
Finalmente uma nova vitória do Figueirense na série A do Brasileirão e que encheu os olhos do torcedor alvinegro de orgulho e esperança. Para quem esteve presente ao Estádio Orlando Scarpelli nesse domingo, viu um time completamente diferente daquele que se apresentou nos últimos jogos. 

Chegamos aos 14 pontos e as chances são claras para iniciarmos uma nova fase, uma nova era e tentar escapar da zona de rebaixamento. É difícil, mas não é impossível. Nesse final de semana assisti a um filme no qual recomendo a qualquer pessoa, " Desafiando Gigantes ", um filme que fala sobre a fé, a esperança, a crença, e o que qualquer ser humano tem que fazer para ter um bom desempenho e bons resultados para sua vida, dando o seu melhor, lutando até o fim, até não poder mais. Seria até interessante se os nossos jogadores assistissem a esse filme.

Gostei muito da forma como a equipe se desempenhou em campo e também da escalação de Abel Ribeiro que comanda a equipe enquanto o novo técnico não chega. Separo aqui pequenos comentários e opiniões sobre a equipe que atuou contra o coxa e o momento atual do clube: 

A novidade: Edson foi a novidade na defesa e na minha visão, deve ser o titular da equipe daqui pra frente. 

De volta ao gol: Ricardo voltou a ser o camisa 1 e fez boas defesas na partida com excessão do gol do Coritiba que foi uma saída feia do goleiro alvinegro no lance. 

E agora? João Paulo fez um bom jogo, mas ainda tenho dúvidas sobre quem deveria ser o zagueiro titular ao lado de Edson. Guti poderia merecer uma chance talvez.

Foi muito bem: Elsinho fez uma bela partida e demonstrou que merece vestir a camisa 2 sendo o titular da posição que até então era uma forte carência mas que agora fica essa disputa até mesmo com Léo. 

Quem sabe... Hélder foi muito bem pelo lado esquerdo e não tenho dúvidas que o mesmo tem mais qualidade e superioridade do que Marquinhos, mas com Guilherme Santos fica uma boa disputa também. 

Qualidade no sistema defensivo: Túlio e Claudinei fizeram uma boa proteção no meio, assim como Jackson que vem fazendo bons jogos e demonstrando muita raça, mas o nosso meio falta qualidade na criação de jogadas ainda, de levar o time a frente, mas a parte defensiva com esses 3 atletas ficou muito boa.   

Destaque: Fernandes foi destaque por fazer o seu jogo de número 400 com a camisa do Figueirense. Fernandes vem fazendo jogos consideráveis, ídolo da torcida alvinegra, sempre terá reconhecimento, mas vamos ser sinceros, não podemos contar apenas com Fernandes ou Roni, precisaríamos de qualidade nesse meio com um camisa 10 armador que poderia até jogar ao lado de um desses dois atletas, mas só um deles ali na frente ou que seja os 2 juntos, é meio complicado.
Fernandes fez o jogo de número 400 com a camisa do Figueira na vitória por 3 a 1 sobre o Coritiba. Foto: Figueirense.com.br
Em nome deste blog, queria aqui prestar essa pequena homenagem ao craque Fernandes. Não, não é errado falar "Fernandez" com "z" no final... Tudo bem, o nome é Fernandes, mas se escreveu Fernandez, não se preocupe, porque realmente ele é o FernanDEZ ! ... Parabéns Fernandes pelos 400 jogos com a camisa do Figueira! eterno ídolo alvinegro e que a cada dia marca ainda mais o seu nome na história do clube. A nação alvinegra agradece por tudo! Fernandes é DEZ! FernanDEZ... é 10, é 100, é 400...

Força total: Aloísio atualmente é o cara! desde o jogo contra o Sport vem demonstrando muita força de vontade, sendo guerreiro dentro de campo, com espírito de luta que não desanima e nem desiste. Fez os 3 gols da partida e merece ser o titular da equipe.

Falta alguma coisa: O que está acontecendo com o Caio? parou de fazer gols. Não sei se é falta de sorte ou de competência. Mas vamos dar uma moral, no jogo deste domingo contribuiu muito com os dois gols feitos por Aloísio, no primeiro lance ele mandou na trave e a bola sobrou para o baixinho e no outro lance foi dele o passe para que Aloísio fizesse o segundo do alvinegro naquela ocasião. Caio ainda merece estar na titularidade, merece nova chance.

Mestre Abel Ribeiro: Esse conhece! Abel fez o que Argel e Hélio não fizeram. Foi simples, escalou uma equipe que teve raça, vontade, ânimo, colocou em campo aqueles que mereciam estar ali. Não inventou, apenas fez o que qualquer torcedor talvez fizesse. Parabéns pela competência Abel!

Inchaço: Nossa equipe está inchada, são muitos atletas compondo o elenco. Como disse Loco Abreu, precisamos de uma identidade, de um elenco que passe a ser o "mesmo" nas partidas. Com a chegada do novo treinador que deverá ser Márcio Goiano, que ele possa criar uma unidade para essa equipe e assim manter um elenco para as partidas e que siga o exemplo de Abel Ribeiro, que faça o simples, o básico, o "arroz com feijão" e que não queira ser um inventor como Hélio dos Anjos e Argel.

Minha escalação: Com nossa situação atual, escalaria: Ricardo, Elsinho, Edson, Guti (Ainda tenho dúvidas aqui) e Hélder (Talvez Guilherme Santos, mas o momento não é bom); Túlio, Jackson (Talvez Fernandes se quisesse mais ofensividade e traria o Claudinei para o lado de Túlio), Claudinei e Roni; Caio (Talvez Loco Abreu) e Aloísio. 

Oportunidade: Teremos um jogo difícil contra o Náutico em Recife na quarta-feira, mas acredito que a equipe possa conquistar um bom resultado no nordeste. O Náutico não é lá aquelas coisas e outra, uma equipe que conta com Rhayner, aquele mesmo que não fez nada por aqui e que agora é destaque no time pernambucano, é sinal de que poderemos buscar os 3 pontos na casa deles. Após o Náutico, teremos 2 partidas complicadíssimas em casa contra Fluminense e Corinthians, mas, esses 3 jogos serão o primeiro passo para tentar iniciar uma nova fase na competição.

Um comentário:

notatico alvinegro disse...

Fora do futebol, parabenizo-o pela indicação do filme. Esse Desafiando Gigantes é realmente sensacional.